Jump to content
  • Ataques de malware utilizam apps de ensino como isca


    Levantamento global da Kaspersky constatou que entre julho e dezembro de 2020, mais de 270 mil pessoas tiveram contato com arquivos maliciosos ao tentar baixar programas para aulas online em sites fraudulentos. Esse tipo de ataque cresceu 60% no segundo semestre do ano passado, informa a empresa de segurança. Nos seis meses anteriores, 168 mil tentativas de ataques foram detectadas, o que representou aumento de mais de 20.000% comparado ao mesmo período de 2019.

    De acordo com a pesquisa, a isca mais popular foi o Zoom. Em segundo lugar ficou o Moodle, seguido pelo Google Meet. O relatório destaca que quase todas as ameaças encontradas estavam divididas entre riskware – instalação de arquivos – e adware – anúncios indesejados. Os trojans representaram aproximadamente 1% das ameaças encontradas.

    Essas ameaças normalmente são encontradas por meio de instaladores de aplicativos falsos em sites criados para se parecer com a plataforma original, ou em e-mails disfarçados com ofertas especiais ou notificações da plataforma.


    User Feedback

    Recommended Comments

    There are no comments to display.



    Join the conversation

    You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

    Guest
    Add a comment...

    ×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

      Only 75 emoji are allowed.

    ×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

    ×   Your previous content has been restored.   Clear editor

    ×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.


×
×
  • Create New...