Jump to content
  • Hub do Reino Unido aumenta em 43% adesão de estudantes em cursos de ciência da computação


    Bruna Chieco

    Um hub criado em 2017 pelo Centro Nacional de Segurança Cibernética (NCSC) do Reino Unido tem como objetivo ampliar o número e a diversidade de alunos que cursam diferentes níveis de ciência da computação. O Cyber Schools Hub piloto iniciou efetivamente em fevereiro de 2018 e, quase três anos depois, as escolas participantes do hub mostraram um aumento de 43% no número de estudantes que cursaram GCSE Computer Science. 

    Em uma escola, um Cyber Club semanal começou com 20 alunos homens e agora se expandiu para mais de 70 participantes, sendo 60% deles mulheres. Além disso, no ano passado em uma das escolas 16% dos alunos de um determinado nível (Sixth Form) estudaram segurança cibernética ou ciência da computação na universidade. Essa se tornou, inclusive, a opção de curso preferida entre os alunos.

    Agora, o NCSC pretende encontrar uma maneira de replicar esse sucesso em outras regiões do Reino Unido, precisando contar com o apoio de outros players do setor, do governo ou acadêmicos. Os aprendizados adquiridos com o projeto piloto foram incorporados ao programa CyberFirst, que oferece cursos e competições gratuitos para milhares de estudantes em todo o Reino Unido, além de centenas de bolsas de graduação e estágios. O CyberFirst é um programa já estabelecido e conta com o apoio de mais de 130 organizações.



    User Feedback

    Recommended Comments



    Join the conversation

    You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

    Guest
    Add a comment...

    ×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

      Only 75 emoji are allowed.

    ×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

    ×   Your previous content has been restored.   Clear editor

    ×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.


×
×
  • Create New...