Jump to content
  • Malwares bancários brasileiros miram alvos globais


    Bruna Chieco

    A Kaspersky identificou que quatro grandes famílias de cavalos de Troia (Trojan) bancários criadas, desenvolvidas e espalhadas por criminosos brasileiros estão atuando em nível global. Segundo a companhia de segurança, os ataques cibernéticos do Brasil por muito tempo se limitaram a clientes de bancos locais. O Tetrade é a designação para esses novos ataques que devem chegar a alvos globais.

    Segundo a Kaspersky, os trojans bancários brasileiros evoluíram bastante, com cibercriminosos adotando técnicas para contornar a detecção, criando malwares altamentes modulares e ofuscados, usando um fluxo de execução muito complexo, o que torna a análise um processo penoso e complicado. "Pelo menos desde o ano 2000, os bancos brasileiros operam em um ambiente on-line muito hostil e cheio de fraudes. Apesar da adoção antecipada de tecnologias destinadas a proteger o cliente, e a implantação de plug-ins, tokens, e-tokens, autenticação por dois fatores, cartões de crédito com chip e pin, entre outros, a fraude está aumentando, enquanto o país ainda carece de legislação adequada para punir os cibercriminosos", diz a companhia.

    O artigo (em inglês) faz uma análise pretendendo ter a compreensão completa das quatro famílias de cavalos de Troia bancários identificados. São eles: Guildma, Javali, Melcoz e Grandoreiro. "À medida que se expandem para o exterior, visam usuários não apenas no Brasil, mas também na América Latina e na Europa", diz a Kaspersky. 

    Isso reforça a importância de empresas e instituições contratarem e prepararem seus analistas de sistema financeiro e profissionais de segurança para lidar com essa avalanche persistente. Aqui falamos um pouco sobre o gap entre a demanda do mercado de segurança por esse profissionais e a disponibilidade de pessoas altamente qualificadas para esses postos. Além disso, mundialmente, há muitos casos de cibercriminosos que foram investigados e punidos por atuações como essa, o que indica que trabalhos de investigação comandados por autoridades internacionais vêm desmantelando esse tipo de operação.



    User Feedback

    Recommended Comments

    There are no comments to display.



    Join the conversation

    You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

    Guest
    Add a comment...

    ×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

      Only 75 emoji are allowed.

    ×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

    ×   Your previous content has been restored.   Clear editor

    ×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.


×
×
  • Create New...