Jump to content
  • Sign in to follow this  

    Ransomware Dharma volta a atacar utilizando antivírus como distração


    Bruna Chieco

    Apesar do Dharma ransomware circular desde 2016, ele segue com ataques bem sucedidos entre usuários e organizações ao redor do mundo. Segundo notícia publicada pela Trend Micro, o último ataque mais sério realizado por esse ransomware foi em novembro de 2018 e o alvo foi um hospital no Texas, nos Estados Unidos. A Trend Micro descobriu que novas versões do Dharma estão usando uma nova técnica: a instalação de um software de antivírus como forma de distrair o usuário e ocultar atividades maliciosas.

    Essas versões do ransomware estão sendo distribuídas por e-mail, via spam, o que normalmente faz com que o usuário baixe arquivos. Se o usuário clicar no link, ele recebe uma senha antes de abrir o arquivo de extração automática, que é denominado Defender.exe. Esse arquivo também contém o arquivo malicioso taskhost.exe e o instalador de uma versão antiga do ESET AV Remover renomeado como Defender_nt32_enu.exe. É justamente o antigo instalador do antivírus da ESET que distrai o usuário enquanto o ransomware criptografa os arquivos da vítima. A Trend Micro alerta que o ransomware será executado mesmo se a instalação da ferramenta não for acionada. O processo de instalação é só uma forma de distrair a vítima. A ESET foi informada do problema.

    Sign in to follow this  


    User Feedback

    Recommended Comments

    There are no comments to display.



    Join the conversation

    You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

    Guest
    Add a comment...

    ×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

      Only 75 emoji are allowed.

    ×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

    ×   Your previous content has been restored.   Clear editor

    ×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.


×
×
  • Create New...