Ir para conteúdo
  • Programação Moderna em C

       (1 análise)

    Fernando Mercês

    O que é?

    C é uma linguagem de programação criada na década de 60 e utilizada largamente até os dias atuais. É comum se ouvir que “metade do Universo é escrito em C” e de fato é impressionante o número de aplicações de base escritas nesta linguagem. Exemplos incluem: Linux, Apache httpd, PHP, Java, Perl, Ruby, Python e a API do Windows.

    Por que estudar C?

    Acreditamos que o estudo da linguagem C é muito benéfico para o profissional que lida com computadores, independente da área. Estudar C nos obriga a focar nas bases da computação, entender como os dados são manipulados em memória pelo sistema operacional e pelo processador, suas limitações e condições para funcionamento. Algumas vantagens de se estudar C são:

    • Pouca coisa "vem pronta" em C, nos forçando a implementar e entender as limitações da computação atual.
    • O programador tem controle quase total do contexto do programa.
    • É uma linguagem comercial, principalmente na era dos embarcados.

    Mas C não é velho?

    A linguagem foi criada há muito tempo, mas continua sendo atualizada e utilizada. Basta olhar o índice TIOBE, que mede as linguagens mais em alta no mundo, para comprovar o que dissemos. A última atualização na especificação padrão foi em 2011 mas os compiladores adicionam extensões periodicamente. O gcc (GNU Compiler Collection) e o Visual Studio, da Microsoft, são bem famosos, mas há também o clang que ganhou bastante espaço recentemente.

    O treinamento

    O treinamento Programação Moderna em C aborda aspectos modernos da linguagem, bem como do ecossistema para desenvolvimento de aplicações em C, como o SO, editores de texto, IDE’s, etc.

    O curso está no YouTube, no nosso canal Papo Binário, sem nenhum custo. São 20 aulas em 23 vídeos. Segue a lista:

    Aula 0: Preparando o ambiente
    Aula 1: Funções main() e printf()
    Aula 2: Variáveis booleanas e do tipo char
    Aula 3: Variáveis do tipo int
    Aula 4: Variáveis do tipo float
    Aula 5: Arrays
    Aula 6: Operadores aritiméticos
    Aula 7: Operadores lógicos
    Aula 8: Operadores bit-a-bit
    Aula 9: Condicional if
    Aula 10: Repetições (Parte 1/2)
    Aula 10: Repetições (Parte 2/2)
    Aula 11: Ponteiros (Parte 1/2)
    Aula 11: Ponteiros (Parte 2/2)
    Aula 12: Indexação de arrays e ponteiros
    Aula 13: Alocação dinâmica de memória
    Aula 14 - Estruturas e Uniões
    Aula 15 - Funções
    Aula 16 - Macros
    Aula 17 - Escopo e classes de armazenamento
    Aula 18 - Projeto readpe (Parte 1/3)
    Aula 19 - Projeto readpe (Parte 2/3)
    Aula 20 - Projeto readpe (Parte 3/3)

     

    Editado por Fernando Mercês



    Feedback do Usuário

    Crie uma conta ou faça o login para deixar um comentário

    Você precisa ser membro para fazer uma análise

    Criar uma conta

    Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

    Crie uma nova conta

    Entrar

    Já tem uma conta? Faça o login.

    Entrar Agora


    Faggiano

       3 de 3 membros acharam esta análise útil 3 / 3 membros

    Excelente abordagem, conteúdo e ferramentas! Parabéns!

    Compartilhar esta análise


    Link para a análise

×