Ir para conteúdo
  • Cadastre-se
Entre para seguir isso  
Leo

Ferramenta para análise de dump de RAM

Posts Recomendados

O Volatily é um framework opensource que possui licença pública GNU desenvolvido em python

que é utilizado para fazer análise de dumps de memória RAM dos sistemas operacionais Linux, Windows e MAC Os;
arquivos de hibernação do Windows, crash dumps entre outros.

Veremos a seguir alguns comandos básicos que esta poderosa ferramenta
pode nos oferecer...

OBS: Consultar legendas.

* O seguinte comando irá nos fornecer informações a respeito da imagem e do sistema operacional que iremos analisar(neste caso, é uma imagem da RAM de um OS Windows):
# volatility -f <1>.dmp imageinfo

* Para exibir uma lista de todos os processos que estavam sendo executados na nossa imagem, executamos o seguinte comando:
# volatility -f <1>.dmp --profile=<2> pslist

* Para fazer um dump do processo que estava sendo executado na memória utilizamos o comando:
# volatility -f <1>.dmp --profile=<2> procdump -D <3> -p <4>

Com a utilização do último comando teremos o arquivo que estava sendo executado na memória RAM e assim poderemos fazer uma análise de engenharia reversa caso seja um binário executavel, ou poderemos fazer a leitura do mesmo caso seja um script de linguagem interpretada.

Legendas:
1= Nome da imagem do dump
2= Sugested Profile(s) descrito através do primeiro comando imageinfo
3= Destino para o dump do processo em memória
4= PID do processo

Referências:
link do github para a ferramenta: https://github.com/volatilityfoundation/volatility
link do do vídeo no YouTube de onde foi tirado as explicações: https://www.youtube.com/watch?v=vhiRqu9AOdk

Editado por Leo

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

É bem legal o Volatility, mas mais valioso ainda seria um tópico sobre técnicas recentes de realizar o dump de memória tanto em Windows quanto em Linux. Muda muito rápido dadas as atualizações constantes nos SO modernos.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Em meus estudos de Memory  eu estou usando o GDB, nativo do Remnux. Ainda estou bem no comeco dos meus estudos entao ainda nao tive a oportunidade de testar outros.
Mas esse eu estou gostando bastante e recomendo. 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Isso pra dumpar a stack do processo, @Vernieri? É do mesmo jeito que usei aqui? Pega o endereço da stack no /proc/<pid>/maps e usa o dump memory do gdb? Eu não sei sobre as técnicas modernas, por isso pergunto. :)

Abraço!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Nunca usei essa ferramenta, mas li agora o manual e diz que um plugin chamado vadtree e um outro chamado vaddump que podem ajudar a copiar os dados da pilha. Esse vadtree até pode gerar na saída um dot que pode ser interpretado pelo graphviz por exemplo (as cores indicam o tipo de conteúdo da região, se é a pilha, a heap, arquivos mapeados, dlls, etc.).

Parece que usamos primeiro o vadtree, observamos os intervalos e com o vaddump criamos os dumps e olhamos só os arquivos que tem os intervalos que nos interessa (pode observar com um editor hex).

  • Curtir 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Acredito que sim @Fernando Mercês. Ainda não testei o volatility, espero qualquer dia desses experimentar essa ferramenta (o tempo livre que tenho estou estudando outras coisas rsrs). 

E que tipos de dumps ele aceita? Eu acho que ele aceita vários formatos e até dumps de máquinas virtuais como vbox, interessante!

É, no caso do vbox tem que extrair manualmente os dados do dump... 

>>ferramenta para conversão<<

abs

Editado por gzn
  • Curtir 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Em 1/24/2018 em 02:28, Fernando Mercês disse:

É bem legal o Volatility, mas mais valioso ainda seria um tópico sobre técnicas recentes de realizar o dump de memória tanto em Windows quanto em Linux. Muda muito rápido dadas as atualizações constantes nos SO modernos.

Publiquei um post a respeito de dump de RAM nos sistemas operacionais Debian e CentOS...
Em um futuro bem próximo estariei criando um tuto para dump em sistemas operacionais Windows.

Editado por Leo
Apresentação gramátical da resposta.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Em 2/7/2018 em 13:06, gzn disse:

Acredito que sim @Fernando Mercês. Ainda não testei o volatility, espero qualquer dia desses experimentar essa ferramenta (o tempo livre que tenho estou estudando outras coisas rsrs). 

E que tipos de dumps ele aceita? Eu acho que ele aceita vários formatos e até dumps de máquinas virtuais como vbox, interessante!

É, no caso do vbox tem que extrair manualmente os dados do dump... 

>>ferramenta para conversão<<

abs

@gzn,

Segundo o README.txt presente no github da ferramenta, os tipos de dumps que o Volatily possibilita realizar são:

  - Raw linear sample (dd)
  - Hibernation file (from Windows 7 and earlier)
  - Crash dump file
  - VirtualBox ELF64 core dump
  - VMware saved state and snapshot files
  - EWF format (E01) 
  - LiME format
  - Mach-O file format
  - QEMU virtual machine dumps
  - Firewire 
  - HPAK (FDPro)

  • Curtir 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora
Entre para seguir isso  

  • Quem Está Navegando   0 membros estão online

    Nenhum usuário registrado visualizando esta página.

×